Exposições
.
-

O ensaio fílmico-fotográfico “Adagiário ou Formas de Falar com Pássaros” apresenta a natureza frágil e resiliente das matérias, procurando um mapeamento ficcionado e tensionado do real. Este adagiário não procura revelar ou ocultar, mas potenciar um léxico que evoque possíveis compreensões do modo como somos e habitamos o tempo e o espaço. Talvez, com ele, seja possível comunicar com os pássaros.

Mais informação
Exposição de Temática Permanente
-

Exposição focalizada na história recente da aldeia da Luz, em particular no período da mudança motivada pela barragem do Alqueva.
Objetos do passado, pertencentes à coleção etnográfica do museu e doados pelos habitantes da Luz, representam os ofícios ancestrais que ligavam os homens à terra e aos recursos naturais.
Estes objetos relacionam-se com o trabalho rural e dão enquadramento ao documentário 'A minha aldeia já não mora aqui', de Catarina Mourão, e a apontamentos audiovisuais produzidos na época.

Mais informação
- - -
Exposição Temporária de Longa Duração
-

No ano em que se comemora o vigésimo aniversário da nova aldeia da Luz, esta exposição representa uma homenagem comemorativa da antiga aldeia da Luz, resultante de um trabalho persistente e minucioso de Horácio Guerra que, durante anos, recolheu informação de várias fontes até começar a criar a base sobre a qual construiu uma maqueta à escala aproximada de 1/100, o mais fiel possível, da velha Luz.

Mais informação
-

Quem visita hoje o Alentejo depara-se com alterações profundas que não esperaria que fossem tão significativas. O elemento que alavanca este processo de transformação é Alqueva. Com este projeto observa-se claramente um antes e um depois em vários domínios, com destaque para a componente agrícola.

Mais informação
-

Quem hoje visita o Alentejo depara-se com alterações profundas, fruto da dinâmica introduzida pelo Projeto de Alqueva.
A EDIA, enquanto entidade que tem por objetivo conceber, executar, construir, explorar e promover o Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva, tem vindo a garantir que todas as etapas são implementadas de forma sustentada e em respeito pelas preocupações ambientais e patrimoniais.

Mais informação
-

Ao passarem 20 anos sobre a inauguração da barragem de Alqueva e sobre o processo de submersão e subsequente projeto de minimização de impacto patrimonial do vários sítios arqueológicos, o Museu da Luz inaugura uma exposição consagrada ao arqueossítio do Castelo da Lousa, classificado como Monumento Nacional. Embora submerso, o Castelo da Lousa e o espólio resultante das escavações anteriores à sua submersão continuam a ser alvo de constantes estudos. Esta exposição é a mais recente revisão histórica, arqueológica e de investigação sobre este sítio arqueológico.

Mais informação